Pular para o conteúdo principal

Eu Li: Mortina e o Primo Insuportável



Olá queridos leitores!
A resenha de hoje é do livro Mortina e o Primo Insuportável, escrito e ilustrado por 
Barbara Cantini, lançamento da Companhia das Letrinhas, do grupo Companhia das Letras.

Sinopse
Mortina terá de enfrentar um grande mistério no Palacete Decrépito ao lado de Dondoco, o primo mais chato desse (e de qualquer outro) mundo. Mortina e seu melhor amigo, o galgo albino Tristão, vivem no Palacete Decrépito com a tia Fafá Lecida, onde brincam com os fantasmas dos corredores e as crianças do vilarejo de Logo Ali. Durante um dia chuvoso, Dondoco, o insuportável primo de Mortina, aparece no Palacete dizendo que foi convidado pela tia Fafá para um jantar surpresa. Em seguida, chegam os amigos da menina-zumbi, que alegam o mesmo. Mas, estranhamente, a tia Fafá Lecida desapareceu sem deixar rastros. O que será que aconteceu? Algo sobrenatural? Ou uma simples e mera coincidência? (E será que Dondoco não vai parar de reclamar nem por um segundo?) De repente, Mortina se vê à frente de um mistério que até parece coisa de outro mundo.
 Eu adoro literatura infantojuvenil, aliás, comentei em outros posts, acho que estes livros são ótimos para leitores de todas as idades, não só para os pequenos e jovens. Mortina é indicada para leitores a partir de 6 anos. Eu adorei esta leitura! 
Já estava de olho nos livros da italiana Barbara, desde o seu lançamento anterior, Mortina, que não só continua na minha lista, mas agora eu quero ler logo. Escolhi este lançamento da Companhia das Letrinhas, por vários motivos, achei a edição linda, a sinopse super interessante e a autora é super elogiada. Comecei a leitura animada e me apaixonei por Mortina e sua turma. Barbara escreve e ilustra este livro fofo.
Barbara constrói um universo diferente, interessante e muito bacana no seu livro. Além de Mortina e sua tia Fafa Lecida (atenção para os nomes!), ela tem como melhor amigo um galgo albino, o Tristão. O palacete é  infestado de fantasmas,mas todos parentes de Mortina, não é preciso ter medo, não tem perigo. Tem ainda um morcego viajante, o Plácido, que entregou para o primo Dondoco, o convite da festa.  Só que durante a festa, tia Fafa e a amiga Teresa somem. Como resolver este mistério? 
O livro é engraçado, bem escrito, com tiradas ótimas e personagens cativantes. Eu adorei esta turminha! Achei a capa linda, edição maravilhosa da Companhia das Letras. Capa dura com detalhes bonitos, desenhos bem coloridos, diagramação excelente. Termino o livro com boas risadas e com um sentimento bom, de ler um livro tão gostoso. Recomendo para leitores de todas as idades.
Sobre o autor
Barbara Cantini nasceu em Florença, em 1977. Depois de se graduar na Universidade de Florença, formou-se em cinema de animação. Trabalhou como animadora de desenho em várias séries de TV até 2011, quando venceu o concurso de ilustrador do ano. Desde então se dedica em tempo integral à ilustração, colaborando com editores americanos, ingleses e italianos. Vive na zona rural de Florença com o marido, duas filhas, três gatos e um hamster que não tem medo de nada. Publicou em 2017 Mortina, o primeiro volume da série, um sucesso internacional atualmente traduzido para treze línguas.

Mortina e o Primo Insuportável
Autor: Barbara Cantini
Ano: 2019
Páginas: 48
Editora: Companhia das letrinhas
Livro cedido pela editora
Adicione no Skoob
Para comprar: Companhia das letras

Comentários

  1. Olá! Amei a edição cheia de cores e o fato de a história ser bem humorada! Vou procurar saber mais e comprar para a Mari ler quando tiver a idade adequada à história! Beijos! Karla Samira

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

O Maravilhoso Bistrô Francês | #12LivrosPara2021 | Julho

  Olá! Hoje é dia da TAG #12LivrosPara2021. Esta TAG é uma parceria com os blogs  Mundinho da Hanna  e  Pacote Literário . Todo dia 12 de 2021 postarei a resenha de um livro que estava na minha biblioteca aguardando a leitura. A ideia é ler livros que são meus e esperam na fila de leitura. Se você quiser relembrar as postagens de 2020 é só clicar  aqui . Este é o livro de julho da nossa TAG #12livrospara2021. Que surpresa boa! Eu adorei esta leitura. Um livro que me proporcionou duas viagens, uma pela Bretanha, localizada na França, que tenho muita vontade de conhecer. Outra viagem foi muito especial, acompanhar o mergulho da personagem no seu próprio universo, por ela desconhecido. O livro começa com Marianne Messmann tentando se matar ao pular no Rio Sena, numa viagem à Paris com seu marido. Marianne vive um casamento sufocante, sem graça e sem afeto. Ela é resgatada por um pescador e levada à um hospital. Lá encontra um azulejo pintado de um porto francês e se encanta com a paisagem

#EsmalteseLivros - Agosto

  Olá!! Hoje é dia da nossa querida postagem TAG Esmaltes e Livros. Este ano conto com participações super especiais.  Além das nossas postagens mensais aqui no blog, você pode participar e seguir a TAG #esmalteselivros no Instagram e nas redes sociais. Aqui no BLOG a postagem vai ao ar sempre na terceira segunda-feira do mês. Esmaltamos as unhas, lemos ótimos livros, tiramos fotos legais. Participe você também, vou adorar sua companhia! Continuamos com as duas formas de usar a TAG. Você pode simplesmente combinar o esmalte com o livro que você está lendo. Se quiser também pode participar do nosso DESAFIO TEMÁTICO. A cada mês teremos um tema diferente, que você pode usar de "fundo" para a sua foto. Ou pode combinar a capa com o nome do esmalte, você que escolhe como prefere criar suas composições de fotos. Escolhas da Dani:  O esmaltes e livros desse mês vem com o tema: Bebidas! E eu só poderia trazer algo relacionado ao vinho pois gosto muito. E esse é a cara do blog pois é

Até 2023, BEDA!!

  O mês acabou ontem e com ele comemoro o encerramento de mais uma participação no  BEDA ! Você já ouviu falar ou participou de algum BEDA? Sabe o que significa? BEDA é a abreviatura de  B log  E very  D ay  A ugust. Este desafio pode acontecer duas vezes por ano, sempre em abril e/ou em agosto.  Durante todo este mês de agosto tivemos posts diários aqui no blog. Foi uma edição diferente. No geral foi bem bacana, mas confesso que por umas três vezes pensei em desistir. Eu sabia que seria uma edição mais trabalhosa e difícil, por causa do momento que vivencio. Confesso que "roubei" um tanto na proposta. Fiz um post por dia, ou o equivalente a ele, mas algumas vezes postei de forma retroativa. Mesmo assim acho que valeu e muito! Fiquei mais motivada, coloquei várias resenhas que aguardavam a publicação, em ordem. Uma das coisas que mais me chama a atenção é o alcance que estas postagens têm. Este mês aumentei muito o número de visualizações no BLOG. Eu acredito que isso aconteç