Resenha: Baixo Esplendor, de Marçal Aquino, Companhia das Letras


#ResenhaMaeLiteratura

Baixo Esplendor é um romance policial ágil e envolvente. Marçal Aquino continua dono de uma prosa afiada e dinâmica.

Nesta trama vamos conhecer Miguel, um "codinome" usado por um policial, infiltrado numa quadrilha de ladrões de carga.

Tudo caminha bem até que ele se envolve com Nádia, irmã de Ingo, o chefão da quadrilha. O que começa com muito sexo e desejo, caminha para uma relação amorosa e que tem tudo para dar errado.

Quem é mocinho? Quem é bandido? Quem é da polícia? Marçal criou personagens muito humanos, num cenário interessante e reflexivo.

Ambientado na época da ditadura, adorei as referências dos anos 70, que marcaram minha vida, como o carro Opala e o programa de TV Almoço com as Estrelas (que eu assistia com a minha avó). A história é muito visual e com certeza daria um filme muito bacana.

Meu destaque vai para Bibi, uma cachorra que sempre teve muita sorte na vida, que era do pai de Miguel e trouxe certa leveza à trama.

Escrita fluida, mergulhei na leitura e devorei o livro. O final...me fez refletir muito! Uau, daqueles que a gente fica literalmente sem ar.

Desde a leitura de Eu Receberia as piores notícias dos seus lindos lábios, um dos meus livros favoritos da vida, aguardo novos livros do Marçal!

Então quando soube deste lançamento, depois de tantos anos, não tive dúvidas, solicitei na hora. Uma dica, tente não comparar os dois livros, pois ler com expectativa costuma ser muito complicado.

Veja, abaixo, meu vídeo do nosso canal do #YouTube:⁣⁣⁣


Recomendo! Você leu ou quer ler? Me conta.⁣

📖 Baixo Esplendor
Leitura #80 de 2021⁣⁣⁣⁣⁣⁣⁣⁣
Autor: Marçal Aquino
Editora: Companhia das Letras
Ano: 2021
Páginas: 264
Livro cedido pela editora
Minha avaliação: 5/5 
Adicione no Skoob
Para comprar: Amazon | Companhia das Letras
Participam também do BEDA

Lunna Dani Alê | Chris | Obdulio | Roseli | Mariana | Darlene | Lucas | Tom


Comentários