Resenha: Em Águas Profundas, de Patricia HighSmith - Editora Intrínseca


#ResenhaMaeLiteratura
Livro bom não é só aquele que você ama o final, que você acha a história fofa. Pode ser aquele que incomoda, que te tira da sua zona de conforto. ⁣

No ano do centenário do nascimento de Patricia Highsmith, a Intrínseca relança Em Águas profundas.⁣

Temos um casal disfuncional aqui. Melinda é uma mulher que trai abertamente o marido e ele sabe disso. Vic é um bom marido, um ótimo pai e um excelente patrão. Produz livros em pequenas tiragens, livros selecionados com atenção e esmero. ⁣

Sabe o que aconteceu neste livro? Eu me peguei torcendo pelo marido traído! Uau!! A genialidade da autora é justamente essa, ela conduz o leitor e quando você percebe, está torcendo pelo personagem...⁣

Vai virar filme e já estou super curiosa para assistir.⁣

Quero ler TODOS os livros desta autora!⁣

Adorei a capa, edição belíssima e ótima diagramação da Intrínseca.⁣⁣
⁣⁣⁣
Veja abaixo minha reflexão mais aprofundada no nosso canal do #YouTube, link na bio. ⁣⁣


Você leu? Quer ler? Qual livro dela você me recomenda? ⁣⁣

Sobre a autora
Patricia Highsmith foi uma escritora estado-unidense famosa pelos seus thrillers criminais psicológicos. Tornou-se mundialmente famosa por Strangers on a Train (1950), que teve já várias adaptações para cinema, a mais famosa de Alfred Hitchcock em 1951, e pela série Ripliad com a personagem Thomas Ripley. Escreveu também muitas histórias curtas, frequentemente macabras, satíricas ou tingidas de humor negro. Seus livros fogem a classificações e a esquemas tradicionais do romance policial clássico: o que acaba por fascinar seus leitores é menos o mistério a ser resolvido quanto o tanto de profundidade (e perturbação) psicológica com a qual a autora dota seus personagens. Diferentemente do romance policial clássico, a noção de justiça praticamente inexiste em sua obra. Autora de mais de 20 livros, Highsmith recebeu várias distinções, entre elas o prêmio O. Henry Memorial, o Edgar Allan Poe, Le Grand Prix de Littérature Policière e o prêmio da Crime Writer’s Association da Grã-Bretanha. Morreu em 1995, na Suíça.
⁣⁣
📚 Em águas profundas⁣
Leitura #31 de 2021⁣⁣⁣⁣⁣
Autor: Patricia HighSmith⁣ ⁣
Tradução: Roberto Muggiati ⁣
Editora: Intrínseca
Livro cedido pela editora⁣
Ano: 2020
⁣Páginas: 304⁣
Minha avaliação: 4/5 estrelas
Adicione no Skoob
Para comprar: Amazon | Intrínseca



Participam também do BEDA

⁣⁣⁣

Comentários