Blogagem Coletiva - Aliança dos Blogs: Maio

  Hoje é dia da nossa Blogagem Coletiva! ⁣⁣ Todos os meses, eu e três amigos blogueiros super queridos: a Danielle , o Lucas e o Tom , apresentamos nos nossos BLOGS, as postagens da ALIANÇA DOS BLOGS. ⁣⁣O tema deste mês é TRABALHO. Fiquei pensando no que traria para compartilhar com vocês e escolhi PERSONAGENS COM PROFISSÕES DIFERENTES. Antes de apresentar os personagens que escolhi, quero deixar claro que as escolhas foram pessoais e obedeceram a apenas um critério, a curiosidade que cada profissão me despertou.  Aqui não importa se é um personagem real ou fictício, se o livro é triste ou alegre, mas sim que foram cinco profissões que eu fiquei me perguntando o que faria se eu tivesse que desempenhá-las. Eu escolheria uma delas? E vocês? Vamos lá? Sira, de Maria Duenas, Editora Planeta . Ser agente secreta é uma profissão que mais desperta curiosidade! Sira Bonnard, irá correr riscos inimagináveis, a fim de garantir um futuro tranquilo para seu filho. Antes conhecida como Arish Agor

Resenha: A Outra Metade de Sarah | Lisa Genova | Editora HarperCollins

 

Olá!
Hoje eu quero te contar como foi a minha leitura do livro A Outra Metade de Sarah, da Lisa Genova, Editora HarperCollins. Este é o terceiro livro que leio dela e foi o que eu mais gostei.

Escolhemos este livro para a terceira edição do nosso clube da leitura online e foi uma ótima escolha! A autora é muito talentosa e descreve problemas neurológicos de forma didática e muito interessante.

A mensagem do livro é clara, se você não desacelera, se vive uma vida insana, trabalhando loucamente e aproveitando muito pouco, ou você diminui o ritmo, ou a vida pode te desacelerar e foi o que aconteceu com Sarah.

Ela é uma super executiva, mãe de três filhos pequenos, que se desdobra, corre demais para dar conta de tudo. Workaholic, trabalha num ritmo insano e quase não curte sua família. Sua empresa considera 40 horas como carga horária de meio período, para se ter ideia do ritmo de trabalho deles. 

Os primeiros sete capítulos, sempre começam com um sonho de Sarah, são sonhos bem estranhos e simbólicos, que tentam sinalizar a sua inadequação, o seu exagero. Ela não dá atenção a eles, até que um grave acidente muda totalmente sua vida. Aí os sonhos cessam.

A partir deste acidente, Sarah passa a não identificar seu lado esquerdo, aliás não só o seu, mas qualquer lado esquerdo, seu cérebro não identifica, nem mostra mais a parte esquerda de nada.

Começa aí uma jornada de estranhamento, tentativa de aceitação, reabilitação e mudanças profundas. 

Com o acidente, outra personagem passa a fazer parte da trama, a mãe de Sarah, que passou muito tempo ausente da sua vida, após um grande trauma. Foi muito bonito presenciar esta reaproximação.

O processo de reabilitação não foi só de Sarah, envolveu toda a sua família. Um gancho muito bem trabalhado pela autora, foi que seu filho mais velho, Charlie, na mesma época do acidente, foi diagnosticado com transtorno de atenção e hiperatividade. Além de Sarah entender melhor a dinâmica do filho, juntos aprenderam com as dificuldades.

Por falar em filhos, eu achei muito bacana a homenagem que a autora fez, os três filhos de Sarah têm nomes do personagens da Turma do Snoopy, Charlie, Lucy e Linus. Também me diverti com as disputas de Sarah e Bob com "papel - tesoura - pedra". A autora inseriu estas brincadeiras, trazendo leveza à trama.

Bob é um marido dedicado e um paizão, formam um casal afinado e interessante. Gostei muito das descrições sobre o relacionamento deles.

As cenas da estação de esqui foram deliciosas e viajei com eles. Foram as que mais me agradaram e onde acompanhei com prazer as mudanças de Sarah.

Achei a capa diferente e interessante, combina com o tema do livro. Edição caprichada da HarperCollins, ótima diagramação, revisão perfeita. 

Lisa traz ainda discussões interessantes sobre o que é "normal" e sobre novas possibilidades de vida, mudando e ajustando o ritmo. 

Assim como a personagem, por vezes durante a leitura, me senti frustrada, incomodada, agitada e reflexiva. Me fez pensar também na minha aceleração, na minha pressa e minha busca por foco. Um livro simbólico, que me impactou e me deixou pensativa por dias.

Se você gosta de livros sobre relacionamentos e sobre superação, vai gostar dele também, eu adorei. Recomendo esta leitura inspiradora! Já leu? Quer ler? Me conta!
A Outra Metade de Sarah
Autor: Lisa Genova
Tradutor: Maria Luiza X. de A. Borges
Ano: 2019
Páginas: 400
Editora: HarperCollins Brasil
Classificação: 5/5 estrelas
Livro cedido pela Editora
Adicione no Skoob
Para comprar: AmazonHarperCollins Brasil 

Participam também do BEDA: Lunna Obdulio | Chris | Drica | Neto | Darlene Carol | Ale

Comentários

  1. Clauo, lindíssima resenha desse livro que eu também curti muito. Lisa mais uma vez soube colocar uma história doída e difícil de uma forma leve e gostosa de ler. Me identifiquei muito com Sarah em alguns momentos e também me encantei muito pelo relacionamento dela com Bob. Beijos! Karla Samira

    ResponderExcluir

Postar um comentário