Pular para o conteúdo principal

Eu Li: Todos os Santos

Olá!
Hoje trago para vocês a resenha do livro Todos os Santos, da Adriana Lisboa, da nossa parceira Editora Alfaguara, Grupo Companhia das Letras.


Sinopse
Numa mescla de passado e presente, em meio a um Rio de Janeiro mítico e uma Nova Zelândia misteriosa, Adriana Lisboa constrói um romance brilhante sobre arrependimento e perda. Vanessa e André estão eternamente ligados por uma perda irreparável na infância. Num feriado à beira da piscina, o irmão mais novo de Vanessa, e melhor amigo de André, sofre um choque dentro d’água e morre antes que alguém possa ajudá-lo. Unidos pelo acidente, Vanessa e André iniciam uma relação que logo ultrapassa a amizade. As famílias se esfacelam e transformam, mas eles permanecem juntos. Agora, vivendo na Nova Zelândia como bióloga, Vanessa procura entender o que aconteceu com o irmão e sua família. Procura também refazer sua história de amor com André, cercada de culpa e de segredos. Com uma linguagem poética e precisa, Adriana Lisboa tece uma narrativa que viaja entre passado e presente, entre as águas da baía de Guanabara e do rio Manawatū, para falar da perda, mas também do perdão.
 "No final das contas, o que fica é o valor de cada hora....". Há tempos venho namorando os livros da Adriana Lisboa e agora finalmente, entro em contato com sua escrita tão elogiada. Todos os santos é um livro dolorosamente bonito. Triste muito bem escrito. Narrado em primeira pessoa por Vanessa, entremeados de conversas imaginárias e lembranças do seu relacionamento com André.

Percebi que esta leitura foi feita num ritmo diferente. Normalmente leio rápido e Todos os santos li devagar, simplesmente não consegui aumentar o ritmo da leitura, era como se precisasse deste tempo para absorver as emoções dos personagens.
Um segundo, um segundo é o que basta para mudar a vida, aliás as vidas de todos envolvidos em uma tragédia. Mauro, irmão mais novo de Vanessa, morre afogado, durante numa festa de aniversário, num feriado, no dia de todos os santos.
O irmão que não vai envelhecer nunca, que permanecerá sempre com 9 anos. Pais dilacerados e depois do choque, tornar-se filha única. André e sua irmã Isabel, participavam da festa de aniversário e presenciaram todo o choque da morte de Mauro. Mais adiante, anos depois, as tramas das duas famílias voltam a se cruzar.

"Então é assim que as pessoas sofriam. O corpo das pessoas sofria por fora a dor de dentro. Como se o coração escorresse todo peso pelos outros músculos, transbordasse pelos olhos, pela pele. Era assim que se pranteava um filho pequeno que estava por aí e de repente não está mais."
Achei a capa linda, simples e diferente. Boa diagramação da Alfaguara, páginas amarelas, letras em tamanho confortável.

Adriana intercala passagens atuais com reminiscências da infância e do início do relacionamento com André. Gpstei muito das referências à adolescência dos personagens, vivenciada na mesma época que a minha. Sua narrativa é poética e focada nos sentimentos, nas emoções e sensações, daí a beleza da trama. Como uma colcha de bordados, a autora conduz o leitor numa trilha de lembranças e questionamentos. Belo e triste, vigoroso e delicado, terno, recomendo muito esta leitura.


Sobre o autor
Adriana Lisboa nasceu no Rio de Janeiro, viveu na França (onde atuou como cantora de MPB) e reside atualmente no Colorado, Estados Unidos. Graduada em música pela UniRio, possui ainda mestrado em Literatura Brasileira e doutorado em Literatura Comparada. É escritora, autora de onze livros, sendo seis deles romances, uma coletânea de minicontos e quatro infantojuvenis. Ganhou, em 2003, o Prêmio Literário José Saramago pelo romance “Sinfonia em branco”, além do Moinho Santista (2005) pelo conjunto de sua obra, e o de autor revelação (2006) da Fundação Nacional do Livro Infantil e Juvenil (FNLIJ) por “Língua de trapos”, entre outros prêmios. Sua produção foi traduzida para oito idiomas e lançada em diversos países.

Todos os santos
Autor: Adriana Lisboa
Ano: 2019
Páginas: 152
Editora: Alfaguara
Adicione no Skoob
Para comprar: Alfaguara
Minha avaliação: 5/5

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O Maravilhoso Bistrô Francês | #12LivrosPara2021 | Julho

  Olá! Hoje é dia da TAG #12LivrosPara2021. Esta TAG é uma parceria com os blogs  Mundinho da Hanna  e  Pacote Literário . Todo dia 12 de 2021 postarei a resenha de um livro que estava na minha biblioteca aguardando a leitura. A ideia é ler livros que são meus e esperam na fila de leitura. Se você quiser relembrar as postagens de 2020 é só clicar  aqui . Este é o livro de julho da nossa TAG #12livrospara2021. Que surpresa boa! Eu adorei esta leitura. Um livro que me proporcionou duas viagens, uma pela Bretanha, localizada na França, que tenho muita vontade de conhecer. Outra viagem foi muito especial, acompanhar o mergulho da personagem no seu próprio universo, por ela desconhecido. O livro começa com Marianne Messmann tentando se matar ao pular no Rio Sena, numa viagem à Paris com seu marido. Marianne vive um casamento sufocante, sem graça e sem afeto. Ela é resgatada por um pescador e levada à um hospital. Lá encontra um azulejo pintado de um porto francês e se encanta com a paisagem

Até 2023, BEDA!!

  O mês acabou ontem e com ele comemoro o encerramento de mais uma participação no  BEDA ! Você já ouviu falar ou participou de algum BEDA? Sabe o que significa? BEDA é a abreviatura de  B log  E very  D ay  A ugust. Este desafio pode acontecer duas vezes por ano, sempre em abril e/ou em agosto.  Durante todo este mês de agosto tivemos posts diários aqui no blog. Foi uma edição diferente. No geral foi bem bacana, mas confesso que por umas três vezes pensei em desistir. Eu sabia que seria uma edição mais trabalhosa e difícil, por causa do momento que vivencio. Confesso que "roubei" um tanto na proposta. Fiz um post por dia, ou o equivalente a ele, mas algumas vezes postei de forma retroativa. Mesmo assim acho que valeu e muito! Fiquei mais motivada, coloquei várias resenhas que aguardavam a publicação, em ordem. Uma das coisas que mais me chama a atenção é o alcance que estas postagens têm. Este mês aumentei muito o número de visualizações no BLOG. Eu acredito que isso aconteç

#EsmalteseLivros - Agosto

  Olá!! Hoje é dia da nossa querida postagem TAG Esmaltes e Livros. Este ano conto com participações super especiais.  Além das nossas postagens mensais aqui no blog, você pode participar e seguir a TAG #esmalteselivros no Instagram e nas redes sociais. Aqui no BLOG a postagem vai ao ar sempre na terceira segunda-feira do mês. Esmaltamos as unhas, lemos ótimos livros, tiramos fotos legais. Participe você também, vou adorar sua companhia! Continuamos com as duas formas de usar a TAG. Você pode simplesmente combinar o esmalte com o livro que você está lendo. Se quiser também pode participar do nosso DESAFIO TEMÁTICO. A cada mês teremos um tema diferente, que você pode usar de "fundo" para a sua foto. Ou pode combinar a capa com o nome do esmalte, você que escolhe como prefere criar suas composições de fotos. Escolhas da Dani:  O esmaltes e livros desse mês vem com o tema: Bebidas! E eu só poderia trazer algo relacionado ao vinho pois gosto muito. E esse é a cara do blog pois é