Blogagem Coletiva - Aliança dos Blogs: Maio

  Hoje é dia da nossa Blogagem Coletiva! ⁣⁣ Todos os meses, eu e três amigos blogueiros super queridos: a Danielle , o Lucas e o Tom , apresentamos nos nossos BLOGS, as postagens da ALIANÇA DOS BLOGS. ⁣⁣O tema deste mês é TRABALHO. Fiquei pensando no que traria para compartilhar com vocês e escolhi PERSONAGENS COM PROFISSÕES DIFERENTES. Antes de apresentar os personagens que escolhi, quero deixar claro que as escolhas foram pessoais e obedeceram a apenas um critério, a curiosidade que cada profissão me despertou.  Aqui não importa se é um personagem real ou fictício, se o livro é triste ou alegre, mas sim que foram cinco profissões que eu fiquei me perguntando o que faria se eu tivesse que desempenhá-las. Eu escolheria uma delas? E vocês? Vamos lá? Sira, de Maria Duenas, Editora Planeta . Ser agente secreta é uma profissão que mais desperta curiosidade! Sira Bonnard, irá correr riscos inimagináveis, a fim de garantir um futuro tranquilo para seu filho. Antes conhecida como Arish Agor

Espaço Infantil na Bienal do Livro de São Paulo


Olá queridos leitores
Hoje trago para dicas especiais para as mamães e papais que querem levar as crianças para visitar a Bienal do Livro de São Paulo. A Bienal preparou uma programação incrível que vai agradar os pequenos leitores. Nesta edição o espaço infantil cresceu e ganhou destaque na programação cultural da 25ª Bienal Internacional do Livro de São Paulo. Eu adorei e acho que vocês também vão adorar! Vamos conferir? Espero encontrá-los lá!

Em cinquenta anos de trajetória a Bienal do Livro de São Paulo sempre trouxe novidades para crianças e jovens, incentivando a formação leitora, com diversas atividades. Para sua 25ª edição, no entanto, o evento joga ainda mais luz neste público e traz um espaço multicultural, repaginado e, bastante diferente dos anteriores: Correios – Tenda das Mil Fábulas. O nome foi escolhido em homenagem ao convidado de honra desta edição, Sharjah, nos Emirados Árabes, e faz referência a uma obra bastante representativa na cultura árabe: o Livro das Mil Fábulas, conhecido no ocidente como o Livro das Mil e Uma Noites.

De 3 a 12 de agosto, o visitante encontrará renomados autores infanto-juvenis, conhecerá mais sobre culturas como a africana, a cultura árabe e descobrirá o prazer do livro e suas facetas. Com curadoria da narradora de histórias e gestora cultural Daniele Ramalho e coordenação da CBL (Câmara Brasileira do Livro), o espaço traz atrações com foco em três eixos: a diversidade cultural brasileira, a diversidade humana e a conectividade entre pessoas e histórias. Em todas as atividades, estão presentes fábulas, lendas, histórias, contos e mitos. A programação foi montada para abarcar não só as crianças, mas diversas gerações e também os educadores, com mediações de leitura, apresentações musicais - que se mesclam com narrações – e destaca, ao longo dos 10 dias, a importância da literatura infantojuvenil, escritores e ilustradores.

Entre os autores e ilustradores que participarão da Tenda estão: Ana Maria Machado, Lázaro Ramos, Eva Funari, Pedro Bandeira, Ziraldo, Mauricio de Sousa, Ilan Brenman, Graça Lima, Januária Alves e Maurício Negro.

O espaço em formato de Tenda conta também com um acervo de 900 títulos, que podem ser manuseados pelos visitantes. As obras disponibilizadas pelas editoras participantes serão doadas, após o término da feira, para a Instituto Ecofuturo, voltado para ações de consciência ambiental.

"Tivemos a preocupação de criar um espaço que pudesse celebrar o universo da literatura infantojuvenil e destacar o papel fundamental que ela tem na formação do olhar e no processo educativo, do conhecimento e da formação cidadã. Para isso, criamos uma amplitude de abordagens significativas e trouxemos nomes que formaram muitas gerações leitoras", diz a curadora, Daniele Ramalho.

Para dar início às atividades, no dia 3 de agosto, às 17h, a Tenda recebe a escritora Ana Maria Machado, o pesquisador de literatura árabe, Mamede Mustafá Jarouche, e a ilustradora Graça Lima, numa mesa com o tema "Mil Fábulas para a infância", onde os especialistas vão falar, a partir das "Mil e Uma Noites", da importância das fábulas na infância – na escrita e na ilustração e sobre o trabalho de transmitir tradições e culturas distintas para a literatura.

As tradições indígenas e suas histórias também ganham espaço na programação com importantes escritores que se debruçam sobre o tema, entre eles, Daniel Munduruku, Olivio Jekupé, Cristino Wapixana e Yaguarê Yamã. Já para falar sobre a cultura africana participam do espaço autores como Janaina Tokitaka (A Princesa Africana/Pallas).

Artistas e intervenções
Todos os dias, para o encerramento da programação, das 18h30 às 20h, um grupo de narradores de histórias e músicos realizam atividades de mediação de leitura e apresentam o espetáculo: "Mil Fábulas: os contos das Mil e Uma Noites", para contar histórias como a de Sherazade e outras ricas personagens da literatura árabe. Entre os artistas que participam da iniciativa estão: o músico Carlinhos Ferreira, a atriz Ana Luiza Lacombe, a moçambicana Lenna Bahule e a Orquestra Mundana, formada por músicos imigrantes e refugiados de países como Irã, Líbano e Arábia Saudita.

Mediação e educação
Para destacar também a importância do livro como instrumento educativo, o espaço infantil da Bienal Internacional do Livro de São Paulo conta ainda com uma série de atividades de mediação, com oficinas que mostram como aproximar o leitor dos livros e da leitura, apresentando obras infantojuvenis de diversos gêneros literários. Voltada para educadores e público geral, essas ações completam o pacote de novidades do Correios – Tenda das Mil Fábulas.

Sobre a Bienal
A Bienal Internacional do Livro de São Paulo é realizada pela Câmara Brasileira do Livro (CBL), de 3 a 12 de agosto, no Pavilhão do Anhembi. Com 14 espaços culturais conta com 1500 horas de atividades, além de diversos selos editoriais e ações de incentivo à leitura.




Comentários

  1. Olá, amiga!!! Que postagem belíssima! Como moro no Rio, não vejo a hora de que chegue a próxima edição! Rsrs! E que bacana sabermos que o incentivo para crianças e jovens à leitura está sempre sendo inovado! No ano passado, realizamos, eu e minha filha, o sonho de conhecermos Ziraldo! Pude ver aqui que, como sempre, autores incríveis irão! Estarei, com certeza, acompanhando as suas postagens a partir da próxima semana!
    Beijocas!!

    ResponderExcluir
  2. Adorei!!
    Acho tão bom o incentivo a leitura logo cedo e esse espaço vai ficar fantástico pelo visto.
    Vou acompanhar tudo!

    bjs

    ResponderExcluir

Postar um comentário