Palestra Trabalho e Gravidez

Ontem, convidada pela  PWN São Paulo (Professional Women’s Network), movimento global que trabalha para equilibrar a presença de homens e mulheres em posição de liderança, assisti a palestra sobre trabalho e gravidez com Chantal Maguin, gerente de produtos da Leroy Merlin.

Chantal é francesa, casada (seu marido estava na palestra),mãe de duas meninas, Inés de 2 anos e Bruna de 5 meses, mora e trabalha no Brasil há quatro anos. 
No evento da PWN, ela contou sobre seu livro "Les Dessous de la grossesse - Vous auriez pu me le dire" (algo como " Os bastidores da gravidez - Você poderia ter me falado!"), lançado na França. O evento aconteceu no Instituto Via de Acesso, foi aberto ao público e gratuito. 
A palestra foi uma experiência muito interessante. Gostei muito da desenvoltura e da simpatia da Chantal.  Nascida no Líbano, morou por muitos anos na França e escolheu o Brasil para morar atualmente. 

Chantal conta que resolveu escrever o livro porque não encontrou na literatura disponível nada parecido com o que gostaria de ler durante a gestação. Coisas que uma amiga lhe diria, situações que enfrentaria. Como conciliar a carreira de executiva com a maternidade? O que abrir mão? Dá para ser mãe e profissional bem sucedida? Como fica sua identidade profissional? Estes são alguns questionamentos que Chantal se faz e faz à sua platéia. 
Lidar com a culpa, tendência a ser uma super heroína, a carga mental e crescimento profissional foram os temas da palestra. Temas estes que trouxeram ótimas reflexões, que fizeram pensar, ou no meu caso, relembrar. Interessante notar que apesar das diferenças culturais, Chantal e eu passamos pelas mesmas dúvidas e sentimentos contraditórios. 

Gostei muito da colocação dela  quanto a possibilidade do trabalho te trazer de volta a identidade profissional, as interações sociais, uma vida mais completa. É possível sim, com o trabalho voltar a ter uma vida ainda mais completa e com mais oxigênio. Mostra ainda a importância de pedir e contar com ajuda e adaptação para esta nova etapa.

Infelizmente seu livro não está disponível ainda em português, apena em francês, à venda na Amazon. Estou na torcida para que em breve seja publicado por aqui também, pois o tema é ótimo e a abordagem da Chantal, muito interessante. Destaque para a capa linda, da artista brasileira Elen Peres, que encantou a todos na palestra com marcadores e cartões mimosos e fofos.




Comentários

  1. Que palestra interessante, acredito que tenha sido mesmo uma experiência maravilhosa.
    Pena que ainda não tenha o livro em português e que em breve saia para que mais pessoas possam ler.

    bjs

    ResponderExcluir
  2. Que interessante isso, aliás, abordei esse tema aqui em vosso blogue em outro post, antigo. Acho que foi seu primeiro post.
    Acho engraçado que recentemente tenho ouvido muitas críticas quando mulheres reclamam da gravidez, das dores e outras coisas relacionadas a gravidez. Em pleno século XXI e ainda é preciso dizer que é a melhor coisa do mundo, a coisa mais linda... sempre achei insano todas as mutações do corpo e quando é o primeiro filho, todas as dificuldades porque não existe manual. É um ser humano que chora e sente fome. Enfim, não deve ser nada fácil, agradável, mas não se pode reclamar. aff

    bacio

    ResponderExcluir

Postar um comentário