Estimulação Ovariana - Papo Médico Com Dr. Rodrigo Rosa

Clube Leitura

Olá!!
Você Conhece o Clube Leitura? Não?! Então deixa eu te apresentar esta novidade sensacional! Tenho acompanhado com alegria e atenção o surgimento de vários serviços mensais de assinatura de livros. Acho a idéia muito bacana, pois tudo que motiva a leitura me interessa muito.

Quando soube do projeto da Livraria Leitura, o Clube Leitura, fiquei encantada e resolvi compartilhar aqui no blog, pois a idéia é muito, muito bacana. Todas as informações você encontra no site do Clube Leitura. Vou contar um pouco deste projeto tão especial. 

Os leitores assinantes do Clube Leitura recebem em casa todos os meses um kit com até três exemplares de livros especialmente selecionados por alguns dos mais importantes nomes da literatura do nosso país, os consultores literários Ana Maria Machado, Leila Ferreira, Paula Pimenta e Menalton Braff. Este é, a meu ver, um dos grandes diferenciais do Clube. Os consultores são sensacionais! Escritores maravilhosos, entre os quais a Leila Ferreira, uma das minhas autoras preferidas atualmente.

Consultores Literários do Clube Leitura
Kids & Teens
Ana Maria Machado
Considerada pela crítica como uma das mais versáteis e completas das escritoras brasileiras contemporâneas, a carioca Ana Maria Machado ocupa a cadeira número 1 da Academia Brasileira de Letras, que presidiu de 2011 a 2013. Na sua carreira, os números são generosos. São mais de 40 anos escrevendo, mais de cem livros publicados (dos quais 9 romances e 8 de ensaios), mais de vinte milhões de exemplares vendidos, publicados em vinte idiomas e 26 países. 

Paula Pimenta
Paula Pimenta nasceu em Belo Horizonte (MG). Desde criança apresentou aptidão para a escrita e por esse motivo prestou vestibular para Jornalismo, embora tenha se transferido para Publicidade após dois anos, curso no qual se formou pela PUC Minas. Após a faculdade, morou em Londres, onde estudou Escrita Criativa e escreveu seu primeiro romance, “Fazendo meu filme”. No Brasil, trabalhou com marketing e como professora de música, até se tornar escritora em tempo integral.
Seu primeiro livro, a coletânea de poemas Confissão, foi lançado em 2001, com edição bancada pelo seu pai, mas o sucesso veio apenas em 2008, quando a divulgação boca-a-boca entre os fãs transformou o romance adolescente “Fazendo meu filme” num best-seller. As aventuras da jovem Estefânia Castelino Belluz, a Fani, personagem principal do livro, ganhou três sequências. Juntos, os quatro livros já venderam 500 mil exemplares. A série também já foi publicada na Espanha, em Portugal e toda a América Latina, e ganhou uma versão em quadrinhos, que já conta com dois volumes. Paula foi escolhida pela revista Época como um dos 100 brasileiros mais influentes em 2012 e em 2014 foi a autora que mais vendeu livros no Brasil, segundo o ranking da PublishNews.

Adulto
Leila Ferreira
Leila Ferreira é formada em Letras e Jornalismo, com mestrado em Comunicação pela Universidade de Londres. Já atuou como repórter da Rede Globo, foi colaboradora da Revista Marie Claire e do Jornal Estado de Minas.
Durante 10 anos, apresentou o programa “Leila Entrevista” na Rede Minas e TV Alterosa (SBT) entrevistando mais de 1.600 pessoas, entre elas os escritores Sidney Sheldon e Isabel Allende, a rainha Silvia da Suécia e o diretor cultural do Museu do Louvre, Jean Gallard. Reconhecida como uma das mais cativantes e competentes jornalistas e escritoras, Leila já lançou cinco livros. Em 2007, “Leila Entrevista: Bastidores”, com casos e lições do universo dos bastidores das gravações muito úteis para os estudantes de comunicação. O best-seller “A Arte de Ser Leve”, publicado em 2012 pela editora Planeta, já vendeu mais de 70 mil exemplares e acaba de ser lançado na Espanha. “Viver não dói” e “Mulheres: por que será que elas...?”, publicados pelo selo Principium da editora Globo Livros. Em parceria com a jornalista Cris Guerra, lançou pela editora Planeta “Que ninguém nos Ouça”. Leila acabou de lançar seu sexto livro, de nome “O Amor Que Sinto Agora”. Desta vez, de ficção.

Menalton Braff
Professor, contista e romancista, Menalton Braff nasceu no Rio Grande do Sul, em 23 de julho de 1938, de onde transferiu-se para a cidade de São Paulo, para concluir o curso de Letras e a Pós-Graduação (lato sensu) em Literatura Brasileira.
Em seus dois primeiros livros assinou com o pseudônimo Salvador dos Passos, passando a usar o próprio nome a partir de “À sombra do cipreste”. Procurando melhor qualidade de vida, abandonou a capital, estabelecendo-se próximo de Ribeirão Preto, onde dedica seu tempo à literatura. Conquistou, em 2000, o Prêmio Jabuti de Literatura, na categoria Livro do Ano - Ficção com o livro de contos “À sombra do cipreste”. Foi semifinalista do Prêmio Portugal Telecom com os livros “Bolero de Ravel” (2011), “Tapete de Silêncio” (2011) e “O casarão da rua do Rosário (2013).  

O Clube Leitura conta ainda com outro diferencial: o potencial de levar literatura de qualidade para toda a família, pois é o único serviço do país que oferece um pacote completo que engloba obras da literatura infantil, adulta e do segmento young adult

Os leitores poderão escolher entre as opções: 

Para Marcus Teles, Presidente da Livraria Leitura, “o Clube Leitura pretende potencializar todo tipo de vivência que um livro pode proporcionar: conhecer autores novos, expandir as fronteiras, os hábitos literários e até mesmo aproximar pais e filhos, por meio do compartilhamento do prazer de ler”.

Livraria Leitura
Inaugurada em 1967 na Galeria do Ouvidor em Belo Horizonte vendendo livros novos e usados, a Livraria Leitura foi uma das primeiras do Brasil no conceito megastore, que consiste em lojas acima de 1.000 m² e grande variedade de produtos de cultura e entretenimento. Líder de mercado no ramo de livrarias em Minas Gerais, Centro-Oeste, Paraíba, Alagoas e Maranhão, a Leitura adotou uma audaciosa política de expansão que a colocou entre as maiores redes do Brasil.
Hoje, as lojas são centros de cultura e entretenimento para toda a família. As megastores oferecem uma enorme variedade de produtos, chegando a 100 mil itens entre livros, revistas, filmes, música, games, informática, papelaria, jogos e presentes. Conta com espaços de entretenimento como cafés, ambientes para leitura, sessões de autógrafos e eventos culturais, se tornando ponto de encontro para um público altamente qualificado.

Estou esperando meu kit chegar e pretendo mostrar aqui no blog. Aguarde!!
Gostou da idéia? Já fez algum tipo de assinaturas? Me conte, vou adorar saber!

Comentários

  1. Eu acho muito legais esses serviços de assinatura do livros, a ideia me agrada bastante. A bem da verdade, só não assino por um motivo: eu tenho uma lista gigantesca de livros que eu quero ler, e ela só aumenta, porque a cada um que eu leio e risco da lista, acrescento mais dois ou três que vejo por aí. Então, imagina eu recebendo todo mês mais três livros, sendo que eu nem dou conta de ler todos os que eu já tenho interesse. Fora a questão do espaço, estou a meses sem comprar nenhum livro novo (físico) simplesmente porque não tenho mais espaço na estante. Mas se não fosse por isso, eu assinaria este tipo de serviço sem nem pensar duas vezes!

    ResponderExcluir

Postar um comentário