Livro: Castelos de Marzipã (Lygia Barbiére)

Hoje trago para vocês minhas impressões sobre o livro Castelos de Marzipã, da Lygia Barbiére, Editora Lachâtre
Foi interessante a forma como conheci este livro. É comum que os pacientes que acompanho na clínica que trabalho leiam livros durante o tratamento. Numa tarde há alguns meses atrás, ao conversar com um dos pacientes, este me contou que estava lendo um livro que falava sobre diabetes sob a ótica espírita. Na hora já despertou minha atenção. Ao olhar a capa, fiquei apaixonada por ela, acho que esta é uma das capas mais bonitas que vi ultimamente. Procurei pelo livro e li um pouco mais sobre suas autora. 
Eu gosto muito de ler livros espíritas. Sempre aprendo mais. Procuro ler ao menos um por mês.
Mês passado recebi este e outros livros da Lygia Barbiére para ler e resenhar aqui no blog.
Este é o segundo livro dela por aqui, o primeiro foi  O jardim dos girassóisEsta parceria me deixou muito feliz e animada.
Castelos de Marzipã furou fila e foi uma leitura muito, muito interessante. 
A escrita da Lygia é muito boa. Na contra capa, explica que seus livros não são romances mediúnicos e procura criar um panorama com os mais variados enfoques sobre os temas abordados. Eu achei muito interessante esta abordagem. É nítido o cuidado que a autora tem mesclando estudo com a história 
O livro conta a história de Babete, apelido de Maria Elisabeth, exímia cozinheira e doceira. O livro é dividido em cinco partes, e cada parte é narrada por um dos personagem. Achei muito interessante a nomenclatura delas: açúcar refinado, açúcar de confeiteiro, gosto amargo, frutas da estação e renovação: doçura íntima. O livro começa  e termina com a narração de Jonas, pai de Babete. Na segunda parte quem narra a história é Fênix, filha de Babete. É Babete quem narra a terceira parte.
A trama começa com Jonas apresentando sua família.  Jonas sempre foi um homem responsável e trabalhador. Deixou sua família amparada e numa situação financeira confortável. Após desencarnar, recebe uma oportunidade para acompanhar os progressos da sua família que ainda vive no plano material. Babete sua filha, está casada com um homem que se aproveita da sua condição confortável. Fênix sua única neta, mora com a avó, pois não concorda com o atual casamento da mãe.
Babete além de confeiteira de mão cheia, ama doces e come de forma compulsiva. Nos doces encontra afeto e carinho, como sempre acontece com pessoas que desenvolvem este tipo de compulsão.
Ao receber o diagnóstico de diabetes, precisa mudar seus hábitos e padrões de comportamento. O que é muito difícil para a maioria das pessoas, mostra-se quase impossível para Babete.A autora mostra como é difícil lidar com compulsões e o quanto elas afetam não só o paciente, mas a família toda, muitas vezes com resultados devastadores.
É sofrido acompanhar sua luta e da sua família. Primeiro Babete nega a doença e depois inicia o longo período de enfrentamento e adaptação ao tratamento. A cada decepção, cada dor, cada sofrimento, Babete busca alívio nos doces e vai afundando cada vez mais. Após uma reviravolta financeira, Babete desespera-se e precisa rever seu estilo de vida. Explicações sobre tratamentos, sobre medicina e mudanças de hábitos, fazem parte deste livro, tornando-o ainda mais especial e interessante.
Composição da minha avaliação: (cada item vale até 1 ponto): 
Capa: 1,00
Trama: 1,00
Diagramação: 1,00
Desenvolvimento e narrativa: 1,00
Revisão: 1,00
Nota: 5,00 - Excelente 
Livro lido em parceria com a editora
Adicione o livro no SKOOB
Adorei a capa, uma das mais lindas que vi ultimamente. A escrita da Lygia é ótima! Tem fluidez, é articulada e de fácil entendimento. Diagramação excelente, o livro todo é lindo. Imagens que imitam tecidos de renda. Papel branco, letras em tamanho confortável, sem erros de português (oba!). Edição caprichadíssima da Lachâtre. 
Este foi um livro que me trouxe muitas reflexões e questionamentos. Lygia aborda várias temáticas importantes e difíceis, como enfrentamento de um doença crônica, recuperação de viciados em drogas, relacionamentos abusivos importância do diálogo e compulsões
Vivencio estes temas no meu trabalho e este tipo de leitura me ajuda muito na abordagem aos nossos pacientes, inclusive como sugestão de leitura. Por isso "devorei" o livro, e me peguei balançando a cabeça e concordando com a autora em várias partes da trama
Sinopse: Existem mais de 340 milhões de pessoas vivendo com o diabetes no mundo. Calcula-se que este total irá saltar para 380 milhões até 2025 se nenhuma providência for tomada no sentido de prevenir a população e conscientizá-la da urgente necessidade de reverter este quadro. O diabetes, sobretudo o tipo 2, afeta 5,9 por cento da população adulta mundial. Quase metade deste imenso número de pessoas não sabe sequer que tem a doença, aumentando ainda mais o risco de suas possíveis complicações. O diabetes é a principal causa de cegueira no mundo e também a principal causa não traumática de amputações de membros inferiores. Enfartes são três a cinco vezes mais frequentes nos portadores da doença, dos quais 65 por cento apresentam pressão alta, para citar apenas algumas delas. Afinal, conteúdos genéticos à parte, será que existe uma explicação espiritual para o diabetes? Será possível que no mundo espiritual alguém programe, de livre e espontânea vontade, nascer ou vir a desenvolver essa doença ao longo da existência? Com que finalidade? Será que só quem come muito açúcar tem essa doença? Em que medida gostar muito de comer doces pode ser considerado uma compulsão? Todas as compulsões possuem uma raiz em comum? A resposta para essas e muitas outras perguntas é mais um dos temperos do romance “Castelos de Marzipã”, oitavo romance espírita e jornalístico de Lygia Barbiére Amaral.
Você pode comprar o livro Castelos de marzipã no site da Editora Lachâtre ou nas livrarias. Recomendo muito, muito!! Em breve teremos novas indicações desta autora fantástica e desta editora maravilhosa.


Comentários

  1. amo histórias espíritas *-* e essa parece ser uma leitura muito enriquecedora!

    Com amor, <3 bruna-morgan.blogspot.com <3

    ResponderExcluir
  2. Wonderful post, Dear!
    I`m following your blog with a great pleasure with Google+
    Please follow me back - Sunny Eri: beauty experience

    ResponderExcluir

Postar um comentário