Eu Li: Dá Pra Ser Saudável Sem Ser Chato


Olá! Hoje a resenha é do livro Dá pra ser saudável sem ser chato + de 300 dicas para transformar a sua vida, escrito por Diego Paladini e Dafne Amaro, lançamento da nossa parceria Planeta de Livros. Gosto muito de livros esta temática, estilo de vida, por isso solicitei para ler e mostrar para vocês.



Sinopse: Este não é um livro de dietas malucas e muito menos com promessas de excelentes resultados em pouco tempo. Este livro vai além de “como conseguir o corpo perfeito” e propõe pequenas revoluções que irão transformar a sua saúde física e emocional. O professor de Educação Física Diego Paladini e a instrutora de yoga Dafne Amaro, criadores do canal do YouTube Saúde na rotina, explicam que é possível ter resultados sem fazer dieta, emagrecer sem passar horas na academia, ser saudável sem ser chato, em mais de 300 dicas.



Minhas impressões
Esta foi uma leitura muito gostosa e motivadora. O livro é escrito em um tom de conversa, descontraída e ao mesmo tempo didática e a leitura flui muito bem. Acabei a leitura animada para melhorar algumas coisas que há tempos me incomodam.

Livros com títulos diferentes sempre me chamam a atenção. Observamos grande interesse em temas como alimentação saudável, hábitos saudáveis, mas vejo muita confusão, radicalismo e pouco bom senso. Foi exatamente isso que encontrei neste livro tão simpático e bacana, BOM SENSO!
Tenho um pensamento que norteia minhas ações, meu "mantra" diário, o equilíbrio é tudo na vida. Foi este ensinamento que encontrei nas ponderações do Diego e da Dafne.

Escolhi este lançamento pelo título e pela proposta. Não conhecia os autores, mas depois descobri que eles tem um canal no YouTube, o Rotina na Saúde, cheio de dicas práticas e que foi o start para este livro.

Dicas que adotei na minha rotina:
- Tomar água em jejum, não importa de com limão, gelada ou sem gelo. Este era um hábito que eu tinha, depois abandonei por um tempo e voltei agora, com a leitura do livro. Desta vez, espero, para ficar. 
- Frequência é mais importante que intensidade. Não adianta você se matar um dia na aula de cross fit e depois ficar uma semana parado, por exemplo. Meu lema hoje é pode até ser devagar, mas que seja sempre. Sigo com minhas caminhadas e yoga. Diego quase me convencendo a voltar para a musculação...ele propõe a prática diária dos exercícios.
- Deixe a roupa separada. Quando você deixa tudo ajeitado, fica mais difícil desistir de praticar atividade física. Esta dica eu tinha ouvido do Dr. Dráuzio Varella, numa das suas palestras, que tive o prazer de assistir. Os autores também parecem ser fãs deste grande profissional.
- Preciso melhorar urgentemente a qualidade do meu sono. Durmo pouco e continuo acelerada, mas só de pensar melhor no assunto, já vejo uma tentativa de mudança.

Só um pequeno detalhe, que não tira o brilho do livro, mas acho que vale a pena comentar...eu esperava mais participação da Dafne no livro. A voz dela quase não aparece por lá, e confesso que achei isso uma pena! Explico, quando eu soube que a Dafne é instrutora de yoga, imaginei que fosse encontrar vários tópicos sobre este tema que eu amo (e este foi um dos principais motivos para querer ler o livro). Diego fala bastante sobre musculação e atividade física em geral e praticamente nada sobre a filosofia yogue. Fica a dica para uma próxima edição.

Sobre o livro
Adorei a capa, linda. A diagramação está incrível! Colorida, bonita e deixa o livro ainda mais interessante. Páginas brancas, letras em tamanho confortável, com várias fontes diferentes e muitos desenhos que deixam a leitura ainda mais interessante. É um livro muito prático, que vai acompanhar o leitor por muito tempo.

O livro está dividido em capítulos com os temas: exercícios, alimentação, 60 receitas para uma vida feliz doces e salgados, sucos que a gente ama, produtividade, sono, motivação extra para dias difíceis. Ainda têm as referências bibliográficas. Muito, muito legal! Adorei os temas escolhidos, importantes e necessários.
Confira um dos vídeos deste simpático casal :


Como Ser Saudável Sem Ser Chato - mais de 300 dicas para transformar a sua vida.
Autor: Diego Paladini e Dafne Amaro
Ano: 2018
Páginas: 312
Editora: Pensamento
Classificação: 5/5
Livro cedido pela editora
Adicione no Skoob
Para comprar: Editora Planeta | Amazon


Comentários

  1. Amei essa resenha e já quero ler este livrooo!
    Algumas das dicas que você resolveu adotar eu já pratico há algum tempo, como beber água assim que acordar (esse hábito eu sempre tive, pra dizer a verdade hehe), manter a frequência de exercícios (esse é o mais difícil para mim, mas estou levando em passos de bebê), deixar a roupa separada um dia antes (este hábito eu adquiri quando estudava pela manhã, porque sempre tinha preguiça ao acordar de madrugada e ainda ter que escolher a roupa) e o controle do sono (que também é um hábito recente que adquiri).
    Recomendo a leitura do livro "O poder do hábito" e "O milagre da manhã", pois talvez eles te ajudem a reforçar estes hábitos que você resolveu adotar. <3

    Beijos. <3

    ResponderExcluir
  2. Ameeeeei o título!!! Eu costumo chamar de chato todo mundo que é saudável. Nem li o livro, mas você descreveu ele de uma forma tão positiva que me faz crer que é bom. Sou desses que me apego a um livro pelo título.

    ResponderExcluir
  3. Amei!!! E estou precisando urgentemente de um desse e gostei mais ainda pois parece ser um livro bem descontraído.
    Adorei a capa e o título também, bem chamativos. Tem tantos hábitos que eu começo, largo, começo de novo. Preciso ter mais frequência.

    bjs

    ResponderExcluir
  4. Super legal esse livro! As pessoas precisam mesmo saber que para ser saudável não precisa de muita coisa... pequenos passam podem fazer uma diferença total... :)
    Bjks!

    ResponderExcluir
  5. Que ótimo post eu me interesso muito por este assunto de saúde e melhoria da qualidade de vida, o livro deve ótimas dicas, com certeza irei conhecer o canal, estou sempre buscando melhorar minha saúde e este livro me interessou muito 💗💝

    ResponderExcluir
  6. Achei interessante o título do livro e entendo porque se interessou. Pessoas saudáveis tendem a ser chatas mesmos. Eu sou vegetariana desde que nasci porque meus pais eram, então criaram um demônio (rá) mas eu não fico impondo aos outros os meus hábitos e já vi muitas pessoas o fazerem. Imagina o tamanho da preguiça que eu sinto. Já vi pessoas se levantarem da mesa por ter carne como prato principal. Eu simplesmente não como e nem faço comentários. não me incomoda o prato do outro. Apenas não como.
    Eu gosto de caminhar, mas é só. Já passei da fase de gastar o meu corpo com atividades. Pratico yoga para manter o padrão de respiração e evitar crises de ansiedade e tai-shi para manter os músculos e nervos ativos. Mas não me fale em academia que eu fujo. tenho horror. rs
    O que eu acho que é complicado é que as pessoas seguem padrões. A maioria faz academia por ver pessoas em movimento. Mas, não quer dizer que seja o ideal para elas e mesmo assim, estão lá em rotinas horríveis de exercícios repetitivos. aff

    bacio

    ResponderExcluir

Postar um comentário