O que é Yoga?

Por Que Vivemos, Mestre Rennyo e o Incêndio - Leia o Livro, Assista o Filme

 
Ano: 2017 | Páginas: 96
Idioma: português | Editora: Satry
Livro cedido pela editora

Recebi, da nossa parceira Editora Satry, o anime Por que vivemos, Mestre Rennyo e o incêndio. Junto com ele, dois convites para assistir o filme, em cartaz aqui em São Paulo.
Embora eu não seja budista, eu me interesso por esta filosofia de vida, acho os ensinamentos bonitos e importantes. Valores são sempre benéficos e sempre aprendo muito com estas leituras.
Corri para ler, pois sempre prefiro primeiro ler o livro, para depois assistir o filme.
O livro é o roteiro integral do filme, e achei esta idéia ótima! Foi muito interessante conferir na tela o que eu tinha imaginado ao ler o livro.
Achei a edição maravilhosa! A Editora Satry é muito caprichosa com seus livros e mais uma vez comprovei esta impressão aqui. Capa linda, diagramação excelente. Páginas brancas, letras em tamanho confortável. O formato do livro também é ótimo: 18.50 x 25.50 cm. Qualidade impecável.
No final do livro, fotografias belíssimas do Templo Yoshizaki.
SinopseO anime Por Que Vivemos é uma jornada ao autoconhecimento. Afinal, o filme faz um questionamento fundamental para os dias atuais: qual o propósito da vida? Existe mesmo uma verdadeira felicidade? E é possível alcançá-la? Inspirado no livro Por que Vivemos, que vendeu mais de um milhão de exemplares no Japão, foi editado em português pela Editora Satry, que também está trazendo o anime ao Brasil. O sucesso nas livrarias se repetiu nos cinemas japoneses, onde ficou em cartaz por 29 semanas consecutivas. Dirigido por Hideaki Oba, que trabalhou com o mestre da animação Hayao Miyazaki, no Studio Ghibli, o filme Por que Vivemos é baseado em fatos que marcaram a história do Japão há mais de 500 anos. O país havia se tornado um campo de batalha, marcado por guerras civis entre os diversos clãs que lutavam pelo poder. Mas o “herói” de Por que Vivemos não é um samurai. É um simples camponês. Ryoken é um jovem camponês que odeia monges, insulta a esposa grávida toda vez que ela canta uma música budista e ainda despreza a mãe idosa e doente por considerá-la um estorvo. O anime retrata a transformação deste camponês revoltado e violento, que encontrou a verdadeira felicidade após ouvir os ensinamentos de mestre Rennyo, uma figura histórica, responsável pela popularização do budismo no Japão. Adicione o livro no Skoob.
Dia 23 eu e minha irmã fomos ao Espaço Itaú conferir o anime Por Que Vivemos, Mestre Rennyo e o incêndio. O filme ficará em cartaz até amanhã dia 27/12 e estou torcendo para estenderem a exibição.
Foi muito interessante acompanhar a transformação de Ryoken, de jovem egoísta e por vezes cruel com sua esposa e mãe, num monge afável e abnegado. O filme é muito interessante, as paisagens são lindas. Interessante notar como mesmo entre alguns monges é possível perceber inveja, cobiça e egoísmo, afinal são humanos também e suscetíveis de falhas. A trama traz ingredientes interessantes como amizade, fé, espiritualidade, companheirismo.
E tem promoção! Quando você compra um dos livros Por que vivemos ou Por que vivemos 2 na Livraria Cultura, você ganha o ingresso para assistir o filme na Rede Itaú de cinemas. Promoção válida enquanto o filme estiver em cartaz.

Comentários

  1. Eu não sei direito o que é um anime. Parece ser um tipo de animação japonesa. É isso? De toda forma, o tema parece bem interessante.

    ResponderExcluir
  2. Clau, assim que vi a foto no seu IG eu me interessei pelo filme. Agora me interessei mais ainda pelo livro.
    Beijos
    Chris

    ResponderExcluir
  3. A gente sempre acha que os monges são santos e jamais pecarão, legal saber esse outro lado. Ser humano é viver lutando contra sentimentos ruins.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Adorei a indicação! Também adoro a filosofia budista, paixão que cresceu quando tive a oportunidade de visitar um tempo budista enorme no sul do país. Também sempre amo ler o livro antes de assistir ao filme e fiquei realmente curiosa para acompanhar a mudança do jovem egoísta em um monge abnegado! Vou procurar para ler.
    Beijos!
    Karla Samira

    ResponderExcluir
  5. Por mais que não sejamos budistas, acho que a pergunta "por que vivemos" fica para se pensar... o que estamos fazendo com nossas vidas? Será que estamos no caminho certo? Vou assistir o anime logo que der. Bjks!

    ResponderExcluir

Postar um comentário