Sessão Azul Shopping Center Norte: Detetives do Prédio Azul

Sábado passado recebemos um convite muito especial. O Shopping Center Norte realizou a Sessão Azul, uma exibição de cinema adaptada para crianças com distúrbios sensoriais e seus familiares. 
Esta foi a segunda sessão exibida e ela deverá ter a periodicidade bimestral.
A sessão contou com um ambiente confortável, à meia luz e com som mais baixo nas salas de cinema para receber as crianças e seus familiares. 
Foi muito bacana acompanhar um pouco deste projeto bonito. O clima era de alegria e expectativa e todos se mostraram envolvidos e atentos. 
O filme escolhido foi o Detetives do Prédio Azul. Eu estava curiosa para assistir esta produção da Paris Filmes e gostei bastante das aventuras desta equipe pra lá de especial.
O elenco é ótimo e afinado. Adorei o trio de detetives e gostei muito da integração com a equipe anterior. Você torce pelo sucesso da turminha. O enredo prendeu minha atenção. Dei boas risadas e gostei dos truques da equipe de magos. O filme agradou os convidados também, pelo que puder observar nas conversas e expressões dos expectadores.
SinopseOs Detetives do Prédio Azul são confrontados com o maior caso de suas vidas: salvar o próprio edifício da destruição. Pippo (Pedro Henrique Motta), Sol (Letícia Braga) e Bento (Anderson Lima) se infiltram na festa de Dona Leocádia (Tamara Taxman), a terrível síndica que é, literalmente, uma bruxa. Lá eles presenciam um crime "mágico", que condena o Prédio Azul a uma demolição de emergência. Para completar, a única testemunha - o quadro falante da Vó Berta (Suely Franco) - desaparece, e Dona Leocádia é enfeitiçada para ficar boazinha. Para resolver esse caso, os detetives vão contar com a ajuda do porteiro Severino (Ronaldo Reis), que empresta sua Kombi azul novinha para ser a sede de investigação. A aventura fica completa quando Tom (Caio Manhente), Mila (Letícia Pedro) e Capim (Cauê Campos), fundadores do clubinho original, são trazidos de volta ao Rio de Janeiro para ajudar no caso.
Sala com luz lateral e som mais baixo, detalhes que ajudaram as crianças presentes na sessão. A grande maioria assistiu o filme até o final. Alguns levantaram durante a exibição e outros ficaram agitados. Ao contrário de outras sessões tradicionais, esta movimentação não causou incômodo ou reclamação, pelo contrário. A equipe de colaboradores foi prestativa e atenciosa.
Acompanhe nas nossas redes sociais as próximas sessões deste projeto. Obrigada pelo convite, Center Norte, adorei participar!


Comentários

  1. Nossa, faz tempo que não vou ao Center Norte.
    Mas que legal essa sessão azul.
    Já tinha ouvido falar nesse filme, me fez lembrar um dos livros do Marcos Rey. rs
    Adorava esse autor.
    bacio

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito legal, Lunna!
      Eu adoro o Center Norte
      O filme é muito bacana e lembra mesmo
      Bjks mil

      Excluir

Postar um comentário