Filme: Uma Família Feliz (Paris Filmes)

Ontem assisti na Cabine de Imprensa da Paris Filmes, o desenho Uma Família Feliz. 
A estréia está prometida para amanhã, dia 17/08. 
É um desenho muito bacana e com uma bonita mensagem para as famílias. Emma é uma mãe comum, que trabalha, administra a casa. Ela é casada e seu marido vive trabalhando. Eles tem um casal de filhos. Uma adolescente, que acha que a mãe está sempre errada e um filho mais novo que apanha na escola e com quem a irmã briga o tempo todo. Este é o cenário no início do filme. Numa ligação de celular, Emma, a mãe (dublada por Juliana Paes), conhece Drácula e aí sua vida vira de cabeça pra baixo. Situações hilárias, doses de emoção, aventura, viagens insólitas e por fim a oportunidade de rever valores, estão presentes nesta animação pra lá de legal. Achei bem fofa, engraçada e reflexiva!
Um programa que agradará a família toda.
Sinopse – Uma Família Feliz
Os Wishbones estão longe de ser uma família feliz. A mãe, Emma, possui uma loja de livros e está profundamente endividada. Papai Frank trabalha demais e sofre sob o comando de seu chefe tirano. A filha, Fay, é uma adolescente autoconsciente e apaixonada por sua primeira paixão no Ensino Médio. Já o garotinho, Max, está sendo intimidado na escola. E não termina por aí - em uma festa a fantasia, uma bruxa malvada, Baba Yaga, transforma toda família em monstros. Emma se torna um vampiro, Frank se transforma no monstro Frankenstein, Fay em uma múmia e Max em um lobisomem. Juntos, essa família de monstros deve perseguir a bruxa para reverter a maldição. Durante esta aventura casual, os Wishbones entram em conflito com alguns monstros da vida real, e o encantador conde Drácula, que declara seu eterno amor por Emma. Na trama, o caminho para a felicidade familiar está cheio de armadilhas e voltas afiadas, ou melhor, dentes afiados.
Ficha Técnica
Direção: Holger Tappe
Roteirista: David Safier e Catharina Junk
País de origem: Alemanha
Duração: 95 min
Classificação indicativa: livre
Fonte das imagens: Paris Filmes


Comentários

  1. ...hum me interessei. Adoro drácula. rs

    Ah, você perguntei e na correria nem respondi: sorry.
    Mas é que estou em fase final de produção de livros (sou editora nas horas pares) e escritora (nas horas impares) ou pelo menos tento.

    Ganhei os seguintes livros: o papel de parede amarelo (Charlotte Perkins) a cidade solitária (Olivia Laing) questão de ênfase (Susan Sontag) e Terças a noite em 1980 (Moly Prentiss)

    bacio

    ResponderExcluir
  2. Oi Clauo! Que bacana a proposta do filme! Você foi assistir à estreia? Adoro animações desse tipo e tenho certeza de que vou gostar!
    Beijos!
    Karla Samira

    ResponderExcluir

Postar um comentário