Travessia de Verão: Desafio Literário 2013


O desafio deste mês é ter uma ou mais das estações do ano no título. Este livro foi gentilmente emprestado pela Michelle.

Sinopse - Travessia de Verão - Truman Capote

Esse relato de Truman Capote sobre amor e juventude perdida se entrelaça à fantástica história por trás do original deste livro - perdido e só reencontrado em 2004. Ambientado em Nova York, logo após a Segunda Guerra Mundial, conta a história de uma jovem despreocupada, filha de pais ricos que a deixam sozinha em sua cobertura na Quinta Avenida durante o verão.
Sem ninguém para vigiá-la, ela deixa que o caso de amor secreto que estava tendo com um jovem judeu, atendente num estacionamento de automóveis, venha à tona. O romance aos poucos se torna mais sério e moralmente ambíguo, até que a jovem toma uma decisão que afetará para sempre sua vida e a de todos à sua volta. SKOOB

Li algumas críticas de pessoas que não curtiram muito o livro e fiquei pensando sobre minhas impressões sobre ele...
Achei um livro bem diferente, não conhecia o trabalho de Capote. 
Acho que ele tem um estilo elegante de escrever. A leitura flui bem. Mais uma vez leio um livro que aborda sutilmente a dificuldade de comunicação e de relacionamento mãe e filha. Capote tem uma forma de escrever direta, muitas vezes ácida, mas limpa. Não é piegas, nem dramático demais. Apresenta um senso de humor refinado e sutil.
O livro termina de forma repentina. No posfácio, escrito por seu advogado, você entende melhor o porquê. Este livro permaneceu inédito após a morte do autor.
O que eu acho mais bacana deste desafio é a oportunidade de ler livros que normalmente não escolheria, ou que não me chamariam a atenção num primeiro momento.
Nota: 4/5
Você leu? O que acho? Me conta...




Este livro cumpre o tema do mês de abril do desafio literário 2013 que é uma ou mais das estações do ano no título.

Comentários

  1. A escrita dele é linda, né? Quem gosta de romances daqueles mais melosos ou pelo menos um final bem explicadinho certamente não vai curtir tanto esse livro. Ainda assim, acho que vale como experiência, né?
    bjo

    ResponderExcluir

Postar um comentário