Cora Coralina


Estava aqui, neste fim de tarde, com friozinho, passeando por blogs amigos e conhecendo outros novos.
Chegamos da festa do Bernando, filho da minha amiga Vanessa. As crianças desceram para brincar e estamos aqui, no quentinho...
Parei para ler um post muito legal sobre reaproveitar pacotes de presentes no Casas Possíveis, da Yvone, que acabei de descobrir. Além das dicas ótimas, vi este cartãozinho exclusivo e como ela falou que poderia pegar, eu peguei rapidinho!
Tive o grande prazer de conhecer Cora Coralina pessoalmente. Há uns 30 anos, meu pai tinha um sítio em Goiás e passávamos todas as férias lá.
Era muito gostoso, ficava literalmente no meio do mato, para chegar lá, tinhamos que parar e descer, abrindo várias porteiras no caminho...
Fomos conhecer Cora Coralina, em sua casa, em Goiás Velho. Não lembro os detalhes, pq era pequena, mas lembro da sua casa, na beira do rio. Lembro também dos doces que ela fazia. Uma mulher pequenina, de fala doce e muito simpática. Guardo até hoje, com muito carinho, um livro de suas poesias autografado.
Obrigada Yvone, por despertar esta passagem que estava adormecida nas minhas memórias!

Comentários

  1. Que legal, Claudinha! É tão bom relembrar coisas boas da nossa infância neh?!
    Lindo mesmo o cartão!

    E a festinha, estava boa?
    A "nossa" estava bem legal, o dia hoje estava bem bonito, tinha um solzinho gostos e o Lucas aproveitou bte os brinquedos!!! Fico tão feliz em ver como ele está se divertindo mais a cada festa ;)

    Só eu, neh, que não consegui me controlar e comi várias e várias mini pizzas!!! Estavam tão quentinhas e tão gostosa... agora foi :(

    Beijoquinhas e uma ótima semana pra vc!
    Ju

    ResponderExcluir
  2. A festinha foi otima!
    Tive o mesmo problema que vc...nao me controlei..rsrs

    Bjks e otima semana

    ResponderExcluir
  3. Que lindo, Clau! Sou fã de Cora Coralina. Adoro suas poesias. Inclusive uma de minhas próximas aquisições é o livro de doces e poemas dela que saiu há mais ou menos 1 ano. Muuuuito preciso dele!!! Pra mim só de uma pessoa ter publicado seu primeiro livro com 76 anos de idade, não precisa falar mais nada da persistência da criatura...
    Também vou pegar o selinho pra mim, posso?
    Beijocas ;)

    ResponderExcluir
  4. Claro que pode Bibi querida!
    Vou ver este livro tbe.
    Bjks

    ResponderExcluir
  5. Pôxa que legal, conheço pouquíssimo de Cora Coralina, mas vc relembrar a infancia em uma passagem com ela, muitooo legal!

    Bjão (hj tô me atualizando por aqui! rs)

    ResponderExcluir

Postar um comentário